sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Condições da Terra para a existência de vida

Atmosfera-É rica em dióxido de carbono e óxigénio, que permite-nos respirarmos. Também permite a fotossíntse das plantas que liberta oxigénio e consume dióxido de carbono e nós consumimos oxigénio e libertamos dióxido de carbono para as plantas. A atmosfera faz queimar os meteóros devido à velocidade dos ,meteóros e devido à existência de matéria e oxigénio na atmofera.

A camada de ozono-É constituída por gases que protegem a Terra dos raios ultravioletas que o Sol manda.As radiações eletromagnéticas emitidas pelo Sol trazem energia para a Terra, entre as quais a radiação infravermelha, a luz visível e um misto de radiações e partículas, muitas destas nocivas.Grande parte da energia solar é absorvida e reemitida pela atmosfera. Se chegasse em sua totalidade à superfície do planeta, esta energia o esterilizaria.Os CFCs destroiem a camada de ozono deixando entrar raios ultravioletas que nos podem matar.






video


A distância ideal ao Sol- É de 144 milhões de km. Os planetas mais longe do Sol são gasosos e os mais pertos são muito quentes, logo era impossível nós vivermos lá.


A temperatura ideal-É de 22ºC.É possível devido à distância ideal ao Sol, à existência da atmosfera e camada de Ozono.

Sabias que?




A existência de água-A água existe no estado liquído, gasoso e sólido.O estado liquído é mais importante porque é com ele que as nossas células funcionam. 65 a75% do nosso corpo é constituído por água.A vida começou na água.

A água é composta por hidrogénio e oxigénio. Água (H2O).




                                               





Reflexão

Nas aulas de ciencias estive muito atento e aprendi muitas coisas novas.Comportei-me muito bem.Adorei a matéria que foi dada e em casa fui pesquisar sobre ela para pôr no portefólio.O portefólio ajudou-me no estudo e facilitou-me a perceber a matéria.Passei a saber várias coisas que nem sequer imaginava existir: a formação do Universo e do sistema solar,os vários constituintes do Universo (estrelas,galáxias,cometas...),os vários brilhantes cientistas que existiram no mundo e as grandes descobertas.

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

A vida de Galileu Galilei



Data de nascimento:15 de fevereiro de 1564                                               
Local:Itália
Falecimento:8 de janeiro de 1642

                                                                     A sua vida


Galileu Galilei foi um físico, matemático, astrônomo e filósofo italiano que teve um papel muito importante na Revolução Cientifica (época de grandes descobertas da ciencia).Ele desenvolveu os primeiros estudos sistemáticos do movimento uniformemente acelerado ( dois corpos andarem à mesma velocidade) e do movimento do pêndulo ( movimento das badeladas dos relógios). Descobriu a lei dos corpos e enunciou o princípio da inércia e o conceito de referencial inercia.

Instrumentos inventados-A balança hidrostática, um tipo de compasso geométrico que permitia medir ângulos e áreas, o termómetro de Galileu e o precursor do relógio de pêndulo.


A luneta Astronómica




Inventou uma luneta astronómica e apresentou-a em 1611 através da luneta dos árabes que o permitiu observar as manchas solares, as montanhas da Lua, as fases de Vénus, quatro dos satélites de Júpiter, os anéis de Saturno, as estrelas da Via Láctea. Estas descobertas contribuíram decisivamente na defesa do heliocentrismo.





A balança hidrostática


Foi em pisa que ele inventou a balança hidrostática.Foi publicada em 1644.

As coisas que estão sobre a água, ou que nela se movem


Em 1612, Galileu escreveu o "Discurso sobre as coisas que estão sobre a água, ou que nela se movem" - no qual apoiando-se na teoria de Arquimedes demonstrava, contra a teoria de Aristóteles, que os corpos flutuavam ou afundavam na água segundo seu peso específico não sua forma.
 
                                                                 A inquisição


Devido ao seu acto de provar a teoria heliocêntrica foi quase parar à inquisição. Foi por causa de isso que se teve de mudar para Florença.






                                                                                                            

termómetro de galileu galilei
O seu funcionamento baseia-se na descoberta de que a densidade e a força de impulsão depende da temperatura presente.

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

A História da Astronomia (Ptolomeu)


Ptolomeu era um cientista do séc.III, que acrescentou à teoria de Aristóteles, que os astros faziam uma órbita à volta Terra e disse que os astros estavam presos a esferas transparentes de centro na Terra e não por bolas de cristal.

História da Astronomia (Aristarco)


Aristarco, contemporâneo de Aristóteles, desenvolveu a teoria heliocêntrica que consistia em o Sol estar no centro do Universo. Ele tinha uma ideia do Universo ser maior do que se pensava.

A História da Astronomia (Aristóteles)


Aristóteles foi um filosofo grego, do séc.IV ao séc.III, que desenvolveu a teoria geocêntrica.Essa teoria consistia em a Terra estar no centro do "Universo" e todos os outros astros giravam à volta da Terra, seguros por bolas de cristal.Aristóteles também dizia que o universo acima da lua era perfeito.  

A História da Astronomia (os homens primitivos)


Os homens primitivos foram os primeiros cientistas do mundo.Foram eles que descobriram os vários fenómenos da nartureza, como por exemplo: os eclipses, as estações do ano, as fases da lua, as constelações e entre muitas outras coisas, tudo através da observação.

domingo, 22 de novembro de 2009

Visita ao planetário

Planetário


Um planetário é uma infraestrutura onde se simula o céu, sobretudo nocturno.









É constituído por uma abóbada ou cúpula e por uma máquina colocada no seu centro, que projecta os diferentes objectos celestes.


No interior do planetário, normalmente assiste-se a sessões, onde se exploram e explicam conceitos de astronomia. É habitual, essas sessões de planetário serem conduzidas por um apresentador, que faz explicações sobre os conteúdos.~









Num planetário podemos ver o céu nocturno, tal como se estivéssemos no exterior numa noite sem nuvens.
A finalidade de qualquer planetário é desenvolver, no Homem, o gosto de olhar os céus, através da contemplação serena e harmoniosa dos astros.



Visita de estudo ao Planetário Calouste Gulbenkian




No dia 17 de Novembro, a turma do 7º D realizou uma visita de estudo ao Planetário Calouste Gulbenkian. Na sessão a que assistimos forram abordados os seguintes temas:

• O céu nocturno.

• Movimento de Rotação da Terra. Movimento aparente da esfera celeste.

• Orientação através da Estrela Polar.

• Os conceitos de Latitude e Longitude - diferenças no aspecto do céu em função da Latitude.

• O Sistema Solar. Formação e descrição das características físicas dos planetas.

• A Terra. Tectónica de placas. Vulcanismo. Magnetismo. Atmosfera.

• O Ambiente. Os problemas que enfrentamos. A necessidade urgente de salvar o planeta e as formas de vida nele existentes.

• O fenómeno da trovoada.





sábado, 14 de novembro de 2009

Teoria heliocêntrica


Aristarco, contemporâneo de Aristóteles, desenvolveu a teoria heliocêntrica, que dizia que o Sol estava no centro do sistema solar e que Terra fazia a órbita à volta deste como todos os outros planetas.Rsta teoria não foi aceite. Mais tarde, Ptolomeu acrescentou à teoria de Aritóteles que os planetas uando giravam à volta da Terra também descreviam uma órbita em torno de si próprios(movimento de translação e rotação).

Teoria geocêntrica


Aristóteles desenvolveu a teoria geocêntrica.Essa teoria dizia que a Terra estava no meio do universo, sem se mexer, e todos os astros giravam em torno de esta, em órbitas circulares perfeitas.Os astros estavam presos por bolas de cristal.Aristóteles também mencionava que o universo a cima da lua era perfeito e que a Terra era redonda.

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Os meteoritos





É um corpo rochoso de forma irregular.É um fragmento de um astro.










Ao entrar na atmosfera ele embate contra a superficie terrestre e forma uma cratera. 















Os asteróides

Corpo rochoso de forma esférica que provêm da cinturas de asteróides interna e externa.



Cometa

É um corpo rochoso de forma esférica que é coberto por poeiras e gases congelados.Descreve uma órbita excêntricaem relação aos planetas.Quando passa ao pé do sol, os gases congelados descongelam e formam a cauda do cometa.



Planeta anão

É um astro rochoso de forma esférica que faz a uma órbita diferente das dos outros planetas.


Planetas secundários ou satélites naturais

São corpos rochosos de forma esférica que fazem a sua órbita á volta de planetas principais.


Planeta principal

É um corpo rochoso de forma esférica que faz a sua órbita à volta da estrela.Alguns dos nossos planetas pricipais são constituídos,na sua superficie, por gases.


                                  urano

Estrela

É um astro grande e rochoso de forma esférica que tem grandes quantidades de hidrogénio e hélio.
Curiosidade:Existem sistemas solares que têm mais de uma estrela, mas não têm planetas porque elas sugam os seus pedaços.


Os planetas

Os planetas têm distâncias diferentes entre eles e também todos os planetas gasosos têm anéis.




sexta-feira, 23 de outubro de 2009

A primeira cintura de asteróides

 Apollo ou Amor

A primeira cintura de asteróides (apollo ou amor) não se sabe como apareceu.A forte gravidade de Júpiter não permitiu a formação de um único planeta.Existem duas teorias sobre a primeira cintura de asteróides.


1.
Já existia um planeta naquela zona, mas um astro chocou contra ele e fê-lo partir-se em vários pedaços.

2.
No sitio, tinha havido uma tentativa de formaçam de um planeta. Não se conseguiu formar, por isso, os pedaços espalharam-se por aquela camada.







A teoria da formação do sistema solar

                                                        A Teoria da Supernova

1-Uma estrela estava com pouco hidrojénio e hélio e cada vez mais pequena, que a dada altura explodiu.
 A essas explosões dá-se o nome de supernova.
 1º
                                                                                                                     















2-Os materiais que se separaram devido à supernova, agora começam a agruparem-se em núcleos de massa formando proto-estrelas. Uma delas é o nosso proto-sol.
 O núcleo da massa do proto-sol começa a girar com tanta força que fragmentos dele são lançados para fora, originando os astros do sistema solar.



proto-sol
e
proto-planetas

3-Passado muito tempo o sistema solar fica completamente formado.Os planetas ficam à volta do sol, os mais leves para longe e os mais pesados para perto.No meio fica a massa central que é o sol.






Curiosidade:

1-Existe mais uma teoria sobre a formação do sistema solar, que deu inicio numa nebulosa.A nebulosa começou a girar formando o sistema solar.





2-Uma supernova pode atingir 10000graus celsius.

domingo, 18 de outubro de 2009

O big bang




1- No inicio existia apenas uma pequena bola. Essa bola estava cheia de particulas que tinham muita energia, que acabou por explodir. A essa explosão que criou o universo deu-se o nome de Big Bang.

                                                                       Big Bang

2- Formou-se então o hélio e o hidrogénio(os primeiros elementos quimicos e os mais leves).A partir deles originou-se os restantes elementos quimicos.





balão de hélio                                                                         autocarro a hidrojénio


3-Os elementos quimicos começaram a juntar-se, por acção da gravidade, e criaram as proto-estrelas. Elas ao agruparem, formam as proto-galáxias.
















4- Quando as proto-estrelas se formam completamente passam a ser estrelas,logo, as proto-galáxias passam a ser galáxias.










                                                                                  

                                                                                                                                                                                                                                                    


video

sábado, 10 de outubro de 2009

O inicio do planeta Terra








Há muitos anos o planeta Terra era formado por apenas um continente chamado Pangeia. Actualmente, existem vários continentes que se foram afastando por causa do movimento das placas tectónicas. Estas placas quentes fizeram a Pangeia dividir-se em vários bocados, que são os actuais continentes.

A formação do Universo

A formação do universo resultou de uma pequena bola formada por muitas particulas que explodiram. A essa explosão deu-se o nome de Big Bang.

. .

sábado, 3 de outubro de 2009

Os constituintes do universo



Os constutuintes do Universo são:

1 - Galáxias que são constituidas por sistemas solares, poeiras e gases.

Os sistemas solares são constituídos por estrelas, planetas primários e secundários, planetas anões, cometas, asteróides, meteroritos e meteóros, poeiras e gases, ....

2 - Nebulosas que na sua composição têm poeiras e gases.







domingo, 27 de setembro de 2009

O Universo


"O universo é tudo o que existe, dentro e fora do planeta Terra".
Os cientistas descobriram que apesar do universo ser muito grande, tem fim e está em expansão.